fbpx
O maior canal de informação do setor

Pele na menopausa: veja dicas de especialista e saiba quais cuidados tomar nesse período

A menopausa é o período fisiológico da mulher em que os ciclos menstruais e ovulatórios se encerram logo após a última menstruação. Antes da definitiva menopausa, a mulher passa pelo climatério, que é exatamente o período de transição entre as fases reprodutivas e não-reprodutivas e já nessa fase ela começa a sentir as transformações que ocorrem no seu corpo e na sua pele na menopausa.

Siga nosso Instagram

“Nesta nova etapa da vida, a mulher vai conviver com a diminuição de produção dos hormônios femininos, estrogênio e progesterona, o que traz muitas transformações e que, infelizmente, possibilita o aparecimento de algumas doenças”, explica Elizete Garcia, coordenadora técnica da Extratos da Terra.

Segundo a especialista, a menopausa não tem data marcada, pode ocorrer dos 45 anos, aos 55 anos e iniciar de forma espontânea, cirúrgica, precoce ou tardiamente, e com ela chegam também alguns sintomas bastante indesejados.

A mulher pode apresentar insônia, ressecamento vaginal, déficit de atenção e memória, perda de massa óssea, mudança no contorno corporal, depressão e maiores riscos de doenças cardiovasculares. Todas essas mudanças trazem efeitos bastante radicais para a pele, como ressecamento, afinamento, presença de rugas, flacidez, sensibilidade de contato e principalmente diminuição da resistência. Quer aprender a cuidar da pele durante esse período? Confira!

Veja quais são os sintomas mais comuns e como cuidar da pele na menopausa Sintomas da menopausa

Os sintomas que mais impactam a pele na menopausa são: desidratação e ressecamento de toda a pele do corpo, podendo até causar descamação; presença de lesões senis; afinamento e diminuição da elasticidade da pele.

Como amenizar os sintomas que a menopausa causa na pele? Limpeza da pele

Faça a higienização da pele com emulsões e sabonetes com ativos vegetais que preservem a barreira da pele e não causem nenhum tipo de agressão.

Tonificação

A tonificação é necessária após a higienização com loção rica em ativos hidratantes e livres de álcool. O ato da tonificação pode surpreender nos resultados, pois é o primeiro passo para uma boa hidratação da pele.

Hidratação de manhã

É importante a proteção e hidratação logo pela manhã, o uso do FPS correto, com ou sem pigmento, e principalmente o uso de produtos com ativos que façam a reposição das necessidades da pele, em especial na fase lipídica, prejudicada pela menopausa. Já para peles maduras menopausadas, os produtos devem ser ricos em ativos restauradores.

Cosméticos

Uso de cosméticos noturnos nutritivos, revitalizantes, com fator de crescimento, ácido hialurônico, reposição lipídica e reparadores cutâneos são fundamentais.

Hidratação corporal

Por último, atente-se também ao corpo. Os cuidados com a pele devem se estender ao corpo, já que a hidratação corporal e principalmente dos pés é indispensável nesta fase tão crítica da mulher.

Fonte: MSN

Veja também: Brainfarma está com novas vagas abertas em Anápolis

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra