O maior canal de informação do setor

Saúde adverte estados e municípios que não cumprem Plano de Vacinação

112

Saúde – Estados e municípios que descumprirem o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, não terão doses garantidas. A advertência foi feita pelo Ministério da Saúde por meio de nota oficial divulgada na tarde dessa quarta-feira.

A orientação expressa pelo Ministério da Saúde é de que as decisões sobre a aplicação das doses de reforço para idosos e a adicional para imunossuprimidos, bem como a redução de intervalo entre doses, substituição de vacinas, vacinação de gestantes e adolescentes, entre outros, são baseadas em evidências científicas, com ampla discussão entre especialistas e autorização de órgãos regulatórios, como a Anvisa.

Nessa quarta-feira, por exemplo, diferente do que foi anunciado pelo Ministério da Saúde, o governo de São Paulo divulgou o calendário para a terceira dose de idosos, incluindo a população entre 60 e 69 anos. Além disso, a vacinação no estado paulista pretende utilizar todos os imunizantes que estão sendo aplicados no país, inclusive a Coronavac.

No comunicado, o Ministério da Saúde ressaltou que além do cenário epidemiológico e população-alvo, leva em conta a disponibilidade de doses, e que as alterações nas recomendações do Plano Nacional de Vacinação podem influenciar na segurança e eficácia dos imunizantes, podendo ainda acarretar na falta de doses para completar o esquema vacinal na população brasileira.

Nós procuramos a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo para comentar sobre o cumprimento das recomendações, mas não obtivemos resposta até o fechamento dessa edição.

Fonte: Agência Brasil

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/distribuidora-gmill-aposta-em-marketplace-para-farmacias-regionais/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação