fbpx
O maior canal de informação do setor

Vítima de homofobia firma acordo com Droga Raia em R$ 40 mil

247

Vítima de homofobia,Droga Raia

Galileu Nogueira, publicitário vítima de homofobia pela Droga Raia, chegou a um acordo com a varejista. Ambas as partes fecharam uma indenização no último dia 30 de abril no valor de R$ 40 mil. As informações são do Estadão.

Metade desse montante (R$ 20 mil) será destinado à instituição Casa 1, que acolhe jovens da comunidade LGBTQI+ que foram expulsos de seus lares. “É um grande marco ter esse resultado em que a homofobia perde. Sinto que essa vitória pode inspirar outras pessoas a lutarem pelos seus direitos”, disse Nogueira em entrevista ao Estadão.

O que diz a Droga Raia

Em nota, a Droga Raia disse ser contra qualquer ato de discriminação e também que trabalha “pela inclusão de pessoas da comunidade LGBTQI+ em seu quadro de funcionários”.

A varejista afirmou também que, quando tomou conhecimento de que Nogueira foi vítima de homofobia, convidou o publicitário para uma conversa e que a sentença judicial determinou “um valor bem abaixo do que estávamos negociando”.

A rede está satisfeita com o desfecho do caso e que continuará investindo em treinamentos e conscientização de seus funcionários.

Vítima de homofobia teve nome mudado

Galileu Nogueira, que é homossexual, notou que nas notas fiscais emitidas pela Droga Raia, tanto em compras no PDV, como pelo e-commerce, seu nome vinha grafado de maneira errada, no caso, “Gaylileu”.

O “Y” incluso em seu nome forma alusão a palavra gay e trazia uma mensagem de zombaria ante sua sexualidade. Em SMSs enviados pela empresa também continham com o “erro”.

A vítima de homofobia, então, resolveu tornar o caso público e denunciou a farmácia nas redes sociais no fim de março. O caso tomou proporção nacional e ganhou às páginas dos jornais.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação