Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Deputado propõe receituário especial para antidiabéticos

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

receituário especial
Foto: Canva

Para prevenir possível escassez de antidiabéticos e riscos de automedicação, o deputado federal Eduardo Bismarck (PDT) apresentou indicação à Anvisa para que a venda de medicamentos que tratam a diabetes ocorra apenas mediante apresentação de receituário especial tipo C1.

Isto porque remédios com substâncias análogas ao Glucagon 1 humano (GLP-1), como semaglutida, liraglutida e dulaglutida, são comercializadas livremente, sem a necessidade de apresentar receita. E após a divulgação da eficácia de determinados medicamentos no tratamento contra a obesidade, em especial a semaglutida, a compra dos insumos aumentou.

Receituário especial evita a automedicação

“Com a falta de controle de uso, as pessoas estão cada vez mais se expondo aos riscos da automedicação. Há outro grande problema, quem realmente precisa não está encontrando no mercado”, alertou o deputado federal.

Bismarck também lembra que ainda não é possível dimensionar as consequências futuras acarretadas pelo uso desse tipo de medicamento sem a prescrição de especialistas. “O que está acontecendo é muito grave. Apesar das evidências científicas de que os análogos do GLP1 são medicamentos seguros e eficazes, existem contraindicações”, afirmou.

“Além disso, a perda de peso sem acompanhamento médico e/ou nutricional pode levar ao risco de desnutrição proteico-calórica, flacidez cutânea, dentre outras complicações”, finaliza o parlamentar.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress
error: O conteúdo está protegido !!