Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Dor de garganta: conheça as principais causas e tratamento

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

dor de garganta
Foto: Freepik

A dor de garganta é um sintoma que surge em diversas condições e doenças. Normalmente, é causada por inflamação na faringe (faringite), mas também pode afetar a laringe (laringite) ou as amígdalas (amidalite). Frequentemente, a inflamação envolve tanto a faringe quanto as amígdalas, formando a faringoamidalite.

A causa mais comum é uma infecção viral, como gripe, resfriado, mononucleose e doenças infantis que são preveníveis por vacinas, como sarampo, coqueluche, catapora e difteria.

No entanto, muitas outras condições podem ser responsáveis pelo problema. Entre essas causas estão infecções bacterianas, alergias, refluxo ácido, uso excessivo da voz e até mesmo ressecamento da garganta devido ao ar-condicionado, clima seco ou dormir de boca aberta.

Uma causa menos comum é a presença de tumores na região da boca e da garganta.

Sintomas da dor de garganta

Os sintomas variam dependendo da causa e podem incluir:

  • Dor que normalmente se intensifica ao engolir
  • Sensação de garganta irritada
  • Dificuldade para engolir
  • Inchaço na região da garganta
  • Rouquidão
  • Presença de pus nas amígdalas (geralmente associado a infecções bacterianas)

Quando a dor de garganta está relacionada a uma infecção, frequentemente há outros sintomas, tais como:

  • Tosse
  • Dores no corpo
  • Febre
  • Dor de cabeça

Tratamento da dor de garganta

O tratamento varia de acordo com a causa. Geralmente, a dor causada por infecções virais simples, como resfriados, melhora por si só ao longo do tempo. Analgésicos, anti-inflamatórios e pastilhas podem ser utilizados para aliviar o desconforto. Quando o médico diagnostica uma infecção bacteriana, antibióticos são prescritos.

Buprolivium, pode ajudar pois atua para o alívio das dores de cabeça, com ação rápida em apenas 15 minutos e efeito por até 8h.

Quando procurar um médico em caso de dor de garganta

Crianças que têm dor de garganta devem ser levadas ao médico nos seguintes casos, para verificar se há presença de bactérias estreptococo, que podem causar complicações graves, como febre reumática:

  • Se a dor não melhorar mesmo após beber água depois de acordar
  • Se houver dificuldade para respirar ou engolir
  • Se a criança estiver salivando mais do que o normal, o que pode indicar dificuldade para engolir.

Adultos devem buscar atendimento médico especializado se a dor de garganta estiver acompanhada por algum dos seguintes sintomas:

  • Dificuldade para respirar ou engolir
  • Dificuldade para abrir a boca
  • Dor persistente por mais de uma semana
  • Rouquidão que persiste por mais de 2 semanas
  • Febre acima de 38℃
  • Dor nas articulações
  • Dor de ouvido
  • Manchas vermelhas na pele
  • Presença de catarro com sangue
  • Inchaço ou caroço no pescoço.

Dicas para prevenir dor de garganta

  • Evite fumar, o cigarro é altamente irritante para a garganta e é o principal fator de risco para câncer na região
  • Mantenha-se hidratado, beba pelo menos 2 litros de água por dia para ajudar a prevenir o problema
  • Limite o tempo de exposição ao ar-condicionado, que pode ressecar o ar e causar irritação na garganta
  • Lave as mãos regularmente ou use álcool em gel quando não for possível lavá-las, especialmente antes das refeições e após tocar em superfícies como corrimãos e barras de transporte público. Essa simples medida ajuda a prevenir a transmissão de várias infecções

Este conteúdo é meramente informativo e não substitui a consulta médica. Para esclarecimento de dúvidas adicionais sobre uma patologia, medicamento ou tratamento, converse com um profissional de saúde de sua confiança. Evite sempre a automedicação

 

 

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress