Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Inflação do IGP-10 cai 0,9% em setembro, aponta FGV

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

inflação medida pelo IGP-10 (Índice Geral de Preços – 10) registrou queda de 0,9% em setembro, segundo o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV Ibre).

No mês anterior, o índice de inflação havia registrado variação negativa de 0,69%.

Com isso, o indicador acumula alta de 7,45% no ano e de 8,24% em 12 meses. Em setembro de 2021, o índice recuou 0,37% no mês e acumulava elevação de 26,84% em 12 meses.

Para André Braz, Coordenador dos Índices de Preços, os combustíveis continuam contribuindo para o arrefecimento das pressões da inflação no âmbito do produtor e do consumidor.

Já a inflação do Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) caiu 1,18% em setembro, ante recuo de 0,65% no mês anterior.

Na análise por estágios de processamento, os preços dos Bens Finais variaram de -0,27% em agosto para -0,52% em setembro, sendo que a principal contribuição para este resultado partiu do subgrupo combustíveis para o consumo, cuja taxa passou de -3,16% para -7,88%.

A taxa do grupo Bens Intermediários passou de 0,19% em agosto para -1,72% em setembro. De acordo com o FGV Ibre, a principal contribuição para este movimento partiu do subgrupo de combustíveis e lubrificantes para a produção, cuja taxa passou de 1,74% para -6,94%.

O índice do grupo Matérias-Primas Brutas passou de -1,90% em agosto para -1,17% em setembro, puxado pelo minério de ferro (-11,09% para -4,48%), milho em grão (-4,02% para 1,28%) e algodão em caroço (-10,53% para 4,32%).

inflação do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) variou -0,14% em setembro, após recuar 1,56% em agosto. Cinco das oito classes de despesa componentes do índice registraram acréscimo em suas taxas de variação.

Educação, leitura e recreação (-5,75% para 4,00%),  transportes (-5,71% para -2,97%), habitação (-0,52% para 0,08%), saúde e cuidados pessoais (0,57% para 0,83%) e vestuário (0,44% para 0,68%).

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress