fbpx

Municípios do RS alcançam vacinação de jovens de 18 anos

Alguns municípios do Rio Grande do Sul avançam com rapidez na campanha de vacinação contra a covid-19 e já imunizam pessoas com 18 anos. Pelo menos cinco cidades gaúchas já vacinam jovens com 18 anos e outras duas localidades preveem iniciar a aplicação das doses neste público ainda essa semana.

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/hilab-treina-farmaceuticos-para-aprimorar-atencao-em-saude/

Uma das cidades que anda a passos largos na imunização é a cidade de Viamão. Na manhã desta segunda-feira, a prefeitura deu início ao segundo dia de vacinação do grupo de indivíduos com 18 anos da população geral e a movimentação era muito tranquila na Unidade Básica de Saúde (UBS) São Lucas. Durante o período de duas horas em que a reportagem de GZH ficou no local, a fila não ultrapassou o número de 15 pessoas em espera. De acordo com a prefeitura do município, o fato de a cidade contar com 19 pontos de vacinação ajuda a diluir a movimentação. Além disso, o maior movimento fica, geralmente, para o primeiro dia de imunização de cada novo grupo.

A estudante Ana Carolina Cardoso, 18 anos, não escondia a ansiedade pela imunização. Acompanhada da mãe Cristina Cardoso, 48 anos, ambas eternizaram a espera pela tão sonhada vacina contra a covid-19 ao fazerem uma série de fotos na fila e já dentro da UBS. A jovem alcançou a maioridade no último dia 8 de agosto e ganhou o melhor presente que poderia receber.

– É meu presente de aniversário. Estou muito contente por poder tomar a vacina, lá em casa todos tomaram, pelo menos uma dose, menos eu. Essa primeira etapa vai trazer uma sensação de alívio e um pouco mais de segurança quando andar na rua – conta Ana Carolina, que só tem saído de casa para fazer as aulas de música, já que as aulas da escola acompanha de maneira remota.

João Machado, 18 anos, estudante do Ensino Médio, também era o único de sua família que não havia tomado o imunizante. Porém, ele se mostra mais cauteloso após a dose 1:

– Não vou mudar minha rotina. Vou continuar estudando de casa e saindo para fazer o essencial, porque é preciso tomar as duas doses para alcançar a imunidade.

Vale lembrar que adolescentes dos 12 aos 17 anos com comorbidades já estão sendo vacinados porque eles conseguiram a autorização por parte da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o uso do imunizante da Pfizer.

Nesta terça-feira (17), Taquara, no Vale do Paranhana, vacinará pessoas com 18 anos ou mais nas UBSs dos bairros Empresa, Santa Teresinha, Mundo Novo e no Piazito, das 8h às 17h. Bagé, na Campanha, despontava como um dos municípios com vacinação mais adiantada do Estado. Lá, a imunização do público com 18 anos ou mais começou em 18 de julho. A convocação dessa parcela populacional para o recebimento do imunizante ainda vigora. Segundo o prefeito Divaldo Lara, o avanço rápido na vacinação é fruto de um trabalho que estabeleceu como prioridade a imunização.

– Tomamos decisões necessárias e eficazes que fizeram a diferença, além de concentrar todos os esforços para a vacinação rápida e eficaz da população. Hoje contamos com cerca de 97% da população alvo vacinada – afirma.

Em Candiota, ainda na região da Campanha, a aplicação das doses também chegou na casa dos 18 anos.

A cidade de Novo Hamburgo, no Vale do Sinos, alcançou a faixa dos 18 anos no sábado (14). A imunização ocorreu no formato de drive-thru e foram aplicadas 2.370 doses, entre os jovens e também outros grupos e faixas etárias. Uruguaiana, na Fronteira Oeste, anda a passos largos para imunizar toda a população elegível. Na semana passada, foi iniciada a imunização da população geral a partir dos 18 anos.

Santa Maria, na Região Central, está na faixa dos 24 anos, porém, no último sábado (14), a prefeitura anunciou que os jovens de 18 anos ou mais poderão receber a primeira dose da vacina contra a covid-19 no próximo sábado (21).

Fonte: Gaúcha ZH

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra