fbpx
O maior canal de informação do setor

Pfizer deve entregar 20 milhões de doses infantis até março

175

O Poder360 apurou que a Pfizer deve entregar ao menos 20 milhões de vacinas pediátricas contra a covid-19 ao Ministério da Saúde até o final de março.

A quantidade de doses a serem entregues no período ainda pode ser aumentada. Esse é um dos motivos impedindo a conclusão do acordo da pasta com a Pfizer.

O pedido do ministério pelas doses pediátricas só deve ser divulgado depois que for fechado o número exato de doses que a Pfizer entregará no período. Haverá uma reunião entre as duas instituições às 19h desta 2ª feira (3.jan.2021).

Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou em 16 de dezembro a aplicação da vacina da Pfizer em crianças de 5 a 11 anos. A imunização, no entanto, ainda não começou.

A expectativa do ministério é que a farmacêutica entregue as doses pediátricas a partir da semana de 10 de janeiro. O Brasil ainda não tem nenhuma vacina para crianças no país. Depois que as injeções -com doses menores- chegarem, elas ainda precisam passar por inspeção da Anvisa.

O contrato firmado entre o Ministério da Saúde e a farmacêutica para 2022 prevê disponibilizar doses para todas as faixas etárias incluídas no Programa Nacional de Imunização -o que ainda não é o caso de crianças.

O ministro da Saúde , Marcelo Queiroga , fará um anúncio na 4ª feira (5.jan) sobre se e como será a imunização do grupo.

Queiroga afirmou nesta 2ª feira (3.jan) que o início da vacinação de crianças deve ser na 2ª quinzena de janeiro. A expectativa anterior era começar na 1ª quinzena do mês .

A Pfizer disse estar ‘atuando junto ao governo para definir as etapas do fornecimento das vacinas para a faixa etária’. Afirmou que a estimativa de entrega é a partir de janeiro de 2022. Mas não respondeu sobre a quantidade de doses que serão entregues. Eis a íntegra (238 KB) do comunicado da farmacêutica.

O Poder360 questionou a Pfizer sobre a entrega de ao menos 20 milhões de doses, mas não obteve resposta até a publicação deste texto.

VACINA DIFERENTE E SEGURANÇA

O Ministério da Saúde , estudos científicos , a Anvisa e agências internacionais de saúde, como a norte-americana FDA (Food and Drug Administration) , afirmam que o imunizante é seguro e eficaz para crianças.

A vacina infantil tem uma dosagem diferente da versão para maiores de 12 anos. A embalagem dela também difere para não causar confusões na hora da administração. O frasco é laranja, não azul como o para adolescentes e adultos.

Anvisa passou uma série de recomendações para a vacinação infantil, tanto para evitar trocas com a dose adulta, quanto para evitar efeitos colaterais no público.

BOLSONARO & VACINAS

O presidente Jair Bolsonaro (PL) tem criticado a possibilidade da imunização em crianças, sugerindo que não seja segura. Bolsonaro defende que a vacinação de crianças seja feita só com autorização dos pais e com prescrição médica.

Ele é contra a imunização. Afirma que ainda não se vacinou. E é a favor de tratamentos que não têm estudos conclusivos de eficácia contra a covid-19.

COVID É UMA DAS PRINCIPAIS CAUSAS DE MORTES DE CRIANÇAS

Um levantamento do Poder360 mostra que a covid-19 foi uma das principais causas de mortes na faixa etária de 5 a 11 anos. Dados até 29 de novembro de 2021 indicam que 558 crianças de 5 a 11 anos morreram da doença no Brasil. Foram notificadas 297 mortes em 2020 e 261 reportadas em 2021.

Fonte: Poder 360


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/desmonte-ou-retomada-farmacia-popular/

 

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação