Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Testes rápidos sustentam crescimento da ECO Diagnóstica

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

testes rápidos

O consolidado mercado de testes rápidos em farmácias assegurou um crescimento sustentável para a ECO Diagnóstica em 2022. A fabricante mineira manteve o incremento da sua produção no ano passado, impulsionada pelas implantações de novas salas de serviços clínicos e novos testes laboratoriais remotos no segmento farmacêutico.

Hospitais, laboratórios e clínicas privadas ainda respondem pela fatia majoritária do faturamento, mas as farmácias já representam 42% do total do faturamento da companhia, ainda muito impactado pelas vendas de testes relacionados à Covid-19 – O segmento farmacêutico foi o que mais contribuiu para o incremento nas vendas. A empresa ganhou escala em 100% dos estados brasileiros e no Distrito Federal. Passou a estar presente em 2 mil PDVs de grandes redes com os equipamentos de fluorescência e biologia molecular, com penetração total nas lojas por meio dos autotestes.

Dez dos 12 maiores players do varejo farmacêutico nacional integram a relação de clientes – Clamed, Drogal, Drogaria Araujo, Farmácias Pague Menos, Farmácias São João, Grupo DPSP, Grupo Tapajós, Indiana, Panvel e RaiaDrogasil.

“Há exatos quatro anos estávamos em 1 mil PDVs, mas mirando o futuro a partir da tendência de advento dos serviços clínicos nas farmácias. Eis que, com a pandemia, o protagonismo do setor ganhou evidência e soubemos aproveitar esse movimento”, diz o diretor executivo Vinícius Pereira. Desde a eclosão dos primeiros casos da Covid-19, a fabricante comercializou mais de 25 milhões de testes rápidos, sendo pioneira na oferta desses exames no Brasil.

A empresa colhe também os frutos da negociação com a sul-coreana SD Biosensor, corporação de capital aberto cujo valor de mercado ultrapassa US$ 2,56 bilhões. A indústria adquiriu 100% do capital da ECO Diagnóstica em novembro de 2021. “Já tínhamos um relacionamento consistente com a SD, que há 15 anos fornecia os insumos para o desenvolvimento dos nossos testes e é referência global na área de diagnóstico in vitro”, explica Pereira.

A transação deu respaldo para a Eco Diagnóstica triplicar a capacidade produtiva da planta de Corinto (MG), que hoje opera por meio de um sistema 100% automatizado. Mais de 300 mil unidades de testes rápidos saem diariamente das linhas de produção.

ECO Diagnóstica mira testes rápidos em farmácias regionais

Para 2023, a meta da ECO Diagnóstica é estimular a demanda por testes rápidos em farmácias regionais e independentes. “Queremos intensificar a prospecção de distribuidoras de medicamentos para atuar como pontos de venda para o pequeno e médio varejo”, projeta Pereira.

A fabricante acredita no robusto portfólio como trunfo para expandir sua capilaridade. São 180 exames com registro na Anvisa, segmentados em 17 áreas terapêuticas. Os exames podem identificar distúrbios hormonais, doenças respiratórias, infecciosas e sexualmente transmissíveis, entre outras patologias. O mais recente lançamento ocorreu em novembro de 2022 – um exame de PCR exclusivo que, com uma única coleta, pode detectar a Covid-19, a influenza e o vírus sincicial respiratório (VSR).

Outro diferencial é a parceria com todas as plataformas de laudagem disponíveis no mercado, o que facilita a adequação das farmácias às exigências legais da RDC 302/2005. A resolução passará por reformulações ainda no início de 2023, trazendo mais segurança jurídica para os investimentos das varejistas. “Damos suporte pleno ao PDV em tarefas como a gestão de estoque e no controle de qualidade dos testes”, acrescenta.

Os treinamentos para os farmacêuticos são assegurados pelo ECOEduca, programa de capacitação online. As farmácias interessadas podem acionar a ECO Diagnóstica pelo e-mail comercial@ecodiagnostica.com.br.

 

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress