Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Faturamento da Farmarcas atinge recorde de R$ 7,6 bilhões

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

Faturamento da Farmarcas atinge recorde de R$ 7,6 bilhões
Foto: Divulgação

A meta de faturamento da Farmarcas, estabelecida em 2020, previa um salto de R$ 3,8 bilhões para R$ 7,6 bi até o início de 2025. Mas o grupo de farmácias associativistas já alcançou essa marca um ano antes do previsto.

Considerando os indicadores obtidos entre 2019 e 2023, a Farmarcas registrou um crescimento 121,6% acima da média de mercado, solidificando ainda mais sua posição como referência no modelo de associativismo.

“Apesar de desafiadora, sempre tivemos a convicção de que essa marca era alcançável, graças ao comprometimento e à integração das redes associadas com a missão da empresa”, afirma o diretor geral Paulo Costa.

Faturamento da Farmarcas teve impulso na expansão de PDVs

Segundo o executivo, o faturamento da Farmarcas também foi puxado pelo rápido avanço na expansão territorial. Só no ano passado, 148 lojas iniciaram operações sob a gestão do grupo, com foco especialmente nas regiões Norte e Nordeste.

“Nossos associados investiram maciçamente na abertura de novas unidades nos últimos anos, mas os PDVs maduros também mantiveram uma performance substancial”, avalia Costa, que antecipa os planos de inaugurar 144 lojas em 2024.

Outro fator foi a gradativa ampliação do tamanho das farmácias ao longo desses cinco anos, por meio do projeto Esquinas Sensacionais, que visa a oferecer um modelo de megalojas, com apelo visual, localizadas em pontos estratégicos e foco em grandes bairros. “Isso nos permitiu trabalhar com um mix de produtos mais variados e uma quantidade maior de SKUs”, acrescenta.

Campanha nacional

A Promoção Farmarcas também contribuiu para o aumento nas vendas no período, engajando mais de 4 milhões de clientes em todo o país. “Essa iniciativa consolidou seu lugar como a maior promoção do varejo farmacêutico. E as ações se revertem em receita expressiva, com R$ 459,4 milhões gerados em quatro meses na última edição”, finaliza Costa.

Atualmente, a Farmarcas administra 11 redes de farmácias associativistas, incluindo AC Farma, Bigfort, Drogarias Maestra, Maxi Popular, Mega Popular, Ultra Popular, Entrefarma, Farma100, Super Popular, Farmavale e Maisfarma. Ao todo elas somam cerca de 1.600 PDVs.

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress
error: O conteúdo está protegido !!