Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Lei proíbe farmácias de pedirem CPF em troca de desconto

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

CPF

 

A Lei 12.507, de 23 e dezembro de 2022, lei sancionada pelo Governo da Paraíba proíbe farmácias de pedirem o CPF dos clientes para garantir descontos. A norma foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) neste sábado, dia 24, e já está em vigor.

De acordo com o texto da lei, as farmácias e drogarias da Paraíba estão proibidas de solicitarem o número do CPF do consumidor no ato da compra de qualquer produto ou medicamento para fins de descontos, sem antes informar sobre a abertura de cadastro ou uso do registro de dados pessoais.

Desconto não ser atrelado ao CPF

Assim, a garantia de descontos na compra de remédios ou qualquer produto em farmácias ou drogarias não pode ser condicionada ao fornecimento do número do CPF do consumidor.

Ainda conforme a lei, os estabelecimentos devem colocar um aviso, em tamanho de fácil leitura e em local de fácil visualização, informando a proibição. Em caso de descumprimento, as farmácias e drogarias serão multadas.

A autoria é do deputado Jeová Campos (PT), que afirma que a concessão de descontos na aquisição de qualquer produto ou medicamento por parte de farmácias ou drogarias não pode estar condicionada ao fornecimento do número do CPF do consumidor. “Isso é uma prática abusiva, uma vez, que em muitas ocasiões além de constranger o cliente a dar essa informação, ainda condiciona o ganho de desconto ou qualquer outra vantagem ao fornecimento da informação sobre o documento”, reitera Jeová.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress