Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Medicamentos para doença rara ganham aval da Conitec

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

Doença rara
Foto: Canva

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec) aprovou dois medicamentos contra uma doença rara, o angioedema hereditário. Segundo reportagem do JOTA, a decisão agora segue para a chancela da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Complexo da Saúde (Sectics).

Dois medicamentos para doença rara

O primeiro remédio é o inibidor de C1 esterase derivado de plasma humano. Enquanto a versão intravenosa é indicada para tratar crises dessa doença rara em pessoas a partir de 2 anos, a subcutânea se destina a preveni-las. Já o segundo é o acetato de icatibanto contra crises agudas de angioedema hereditário em adultos com deficiência do inibidor.

Outra aprovação foi para o omalizumabe, indicado para asma alérgica grave não controlada mesmo com corticoide inalatório (CI) junto a um beta2-agonista de longa ação (LABA). A dosagem é de 75mg, na versão injetável.

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress