Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Quer melhorar a estética? Conheça a mesoterapia

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

mesoterapia

A mesoterapia é um tratamento estético realizado através de injeções de vitaminas e enzimas embaixo da pele, na chamada camada de tecido de gordura. O procedimento, que também é conhecido como intradermoterapia, é quase nada invasivo e oferece poucos riscos à saúde, sendo indicado em muitos casos para combater a velhice da pele e a queda de cabelo. Porém, sua principal recomendação está no combate à celulite e à gordura localizada, evidenciando sua multifuncionalidade.

Para realizar o tratamento, é necessária a aplicação de um anestésico local para aliviar qualquer sensibilidade na região onde o procedimento fará efeito. Um fator bacana da mesoterapia é a chance de voltar para casa logo depois, já que não é invasivo e a pessoa não demanda uma grande recuperação.

Apesar de parecer ótimo, é necessário ressaltar que, se não for seguido da melhor maneira, os resultados desejados não serão conquistados. É preciso total comprometimento do paciente com as sessões, de acordo com a indicação médica e com o objetivo a ser atingido no procedimento. Vamos conhecer melhor como é feita, para que serve e as contraindicações?

Modo de realização da mesoterapia

O tratamento da mesoterapia consiste na aplicação de algumas injeções na superfície da pele, variando o local de acordo com a região na qual deseja obter os resultados. Cada injeção conta com substâncias farmacológicas diluídas, incluindo diferentes medicamentos, minerais e vitaminas especializados para realizar o tratamento, estas que são fundamentais para estimular o tecido do local aplicado.

Por quem é feita a mesoterapia? Ela só pode ser realizada por um esteticista ou dermatologista, que deve ser capacitado para a missão e de preferência alguém de confiança. O médico será o responsável por indicar a quantidade de sessões, o intervalo entre cada aplicação e as particularidades do procedimento, sempre levando em consideração o grau do problema.

Diferentes indicações da mesoterapia

  • Gordura localizada

A primeira das indicações da mesoterapia e uma das mais comuns é destinada a reduzir as medidas do quadril e da cintura da pessoa, a fim de melhorar o contorno do corpo humano. Na ocasião, a aplicação é realizada com a injeção de medicamentos como desoxicolato sódico ou fosfatidilcolina, responsáveis por permear as membranas de gordura presentes, de maneira a facilitar sua mobilidade e eliminação.

Geralmente, quando é indicada nesse caso, a mesoterapia é feita em 2 a 4 sessões, em intervalos de equivalentes 2 a 4 semanas.

  • Celulite

Remédios como colagenase e hialuronidase são os mais comuns no tratamento da mesoterapia contra a celulite. Estes que são responsáveis por destruir as bandas de tecido fibrótico entre a pele e as células de gordura. Ou seja, é fundamental para melhorar o aspecto da pele e sua aparência.

É comum que sejam indicadas de 3 a 4 sessões do tratamento, com intervalos de 1 mês para o procedimento de celulites menos graves.

  • Queda de cabelo

Para queda de cabelo a mesoterapia engloba remédios como minoxidil, lidocaína e finasterida, que tem ação focada em prevenir a falta capilar. Pode ser injetado também um complexo multivitamínico feito com hormônios necessários, que ajudam no crescimento de cabelos novos e ainda proporciona mais rigidez aos cabelos presentes, o que é essencial para evitar a queda deles.

Neste caso, é realizado em 3 a 4 sessões, com 1 mês de intervalo. Claro, em casos de queda de cabelo moderada, em mais acentuadas podem haver recomendações diferentes.

  • Envelhecimento da pele

A mesoterapia também é ótima para rejuvenescer a pele. Para isso, é feita com a injeção de vitaminas diferentes, como a A, a C e a E, misturadas com ácido glicólico, por exemplo. Tudo junto é capaz de esfoliar a pele, regulando a produção de novas células de pele, além de mais colágeno, garantindo a redução de manchas na pele e muita firmeza.

Tratamento realizado em 4 sessões, intercalando entre 2 a 3 semanas para se repetir.

Contraindicações da mesoterapia

Como já se sabe, a mesoterapia é um procedimento pouco invasivo, muito seguro e com poucos efeitos colaterais. Porém, pessoas em algumas situações não podem realizar, então fique de olho nas seguintes contraindicações:

  • ÍMC maior que 30 kg/m­­­­­2;
  • Menores de 18 anos;
  • Gravidez;
  • Doenças que afetam o sistema imunológico (AIDS ou lúpus);
  • Doenças do fígado ou rins;
  • Tratamento com medicamentos anticoagulantes ou remédios para problemas no coração.

Notícias mais lidas

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress