fbpx
O maior canal de informação do setor

Tribunal de Contas vê falhas no armazenamento de remédios em cidades de SP

366

Relatório do Tribunal de Contas do Estado encontrou irregularidades no armazenamento de remédios em unidades de saúde de 162 municípios do estado de São Paulo, sendo 22 casos só na Região Metropolitana.

A prefeituras de Franco da Rocha e Francisco Morato disseram que nunca distribuíram medicamento fora do prazo de validade.

A prefeitura de Ferraz de Vasconcelos informou que não há medicamento vencido e que a farmacêutica foi mal interpretada pelo fiscal.

A prefeitura de Osasco disse que não existe armazenamento irregular nas unidades de saúde.

A prefeitura de Guarulhos disse que os medicamentos estão armazenados corretamente e que os medicamentos vencidos estão separados, em quarentena.

A prefeitura de Diadema informou que as caixas vencidas não estavam disponibilizadas para a população, mas para descarte, e que os remédios em contato com o piso foram levados para local adequado. Sobre o auto de vistoria dos bombeiros e alvará da Vigilância Sanitária, a prefeitura informou que está em processo de regularização.

Fonte: G1

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/2021/02/25/mais-de-20-medicamentos-estao-em-falta-na-farmacia-de-minas-veja-lista/

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação