fbpx

Ações da Hypera Pharma disparam após negociação com Takeda

Hypera Pharma adquire portfólio da Takeda por US$ 825 mi

Na última segunda-feira, 2 de março, as ações da Hypera Pharma chegaram a disparar 16,15%, após anúncio de compra de 18 marcas de medicamentos da Takeda Pharmaceutical. A operação, que teve um custo de US$ 825 milhões, envolveu remédios de prescrição médica e isentos de receita, incluindo Neosoaldina e Dramin. Às 13h25, os papéis da companhia subiam 14,58% e eram negociados por R$ 39,30.

Veja também: Hypera emite R$ 800 milhões em debêntures

Quando finalizada, essa transação, em conjunto com a aquisição de Buscopan, representará um movimento transformacional para a Hypera Pharma, que se tornará a maior empresa farmacêutica no Brasil, com demanda sell-out de R$ 5,8 bilhões, de acordo com o IQVIA. A companhia também deterá duas das três maiores marcas de medicamentos OTC, com market share de 20% no mercado de consumer health, tornando-se líder nesse segmento no país.

Siga nosso Instagram

O portfólio que será adquirido da Takeda registrou receita líquida de cerca de R$ 900 milhões em 2019, sendo que o Brasil responde por 83% desse total, e o México, por 13%. Inclui produtos em áreas terapêuticas como cardiologia, diabetes, endocrinologia, gastroenterologia, sistema respiratório e clínica geral, além de marcas como Neosaldina – a terceira maior em vendas na categoria OTC, logo atrás do Buscopan. A farmacêutica ainda conta com a Nesina, que representou a entrada da companhia na categoria de diabetes.

A operação está alinhada com o já bem estabelecido foco estratégico da Hypera Pharma de aumentar sua participação de mercado sustentada por marcas com faturamento anual acima de R$ 100 milhões. O CEO Breno Oliveira comenta que “quando concluída, a transação com a Takeda será a maior aquisição da história da companhia. Estamos acelerando nosso crescimento e criando uma plataforma única e irreplicável, com sólida posição em segmentos estratégicos do mercado”.

A Hypera Pharma assegurou com bancos uma linha de financiamento firme e compromissada de R$ 3,5 bilhões para financiar a transação, que está sujeita a determinadas condições precedentes dispostas em contrato, incluindo a aprovação por órgãos antitruste, e também à aprovação em Assembleia Geral de Acionistas.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Notícias relacionadas

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação

viagra online buy viagra