O maior canal de informação do setor

Cidade de SP fará ação em parques para vacinar contra Covid adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades neste domingo

87

A Prefeitura de São Paulo fará uma ação de vacinação contra Covid-19 voltada para adolescentes de 12 a 17 anos em parques da capital no próximo domingo (29) (veja a lista de parques abaixo).

A medida tem como objetivo acelerar a vacinação deste grupo. Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, em seis dias de campanha, foram vacinados 23,6 mil pessoas do total de mais de 140 mil adolescentes com comorbidades na capital.

Veja os parques e o centro esportivo que terão vacinação neste domingo:

Além dos postos de vacinação nos parques, que funcionarão das 8h às 17h, os 20 postos drive-thru e os 21 megapostos também estarão abertos no domingo (veja a lista de endereços no site da prefeitura). Os locais farão aplicação também da segunda dose para pessoas de outros grupos da campanha.

Desde o início da semana, a gestão municipal tenta ampliar a rede e estimular as famílias a comparecer nas unidades de saúde. Desde a terça-feira (24), a vacinação para este público também está sendo feita em entidades assistenciais.

Na avaliação da prefeitura, uma explicação para a baixa adesão é que o grupo estaria com dificuldades para se deslocar até os postos de imunização.

Busca ativa do grupo

Equipes da prefeitura iniciaram na terça-feira a busca ativa por adolescentes com idades entre 12 e 17 anos com comorbidades para aplicar a vacina contra a Covid-19. Agentes de saúde vão até instituições que atendem pessoas com deficiência física ou intelectual para aumentar a adesão vacinal.

Uma equipe foi ao Núcleo Assistencial Brasilândia, na Zona Norte, para aplicar a vacinação em adolescentes que frequentam o local. Mais de 100 crianças e adolescentes recebiam atendimento gratuito de fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos, pedagogos e nutricionista antes da pandemia.

A partir de quinta-feira (26), a Associação Cruz Verde, na Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo, irá receber equipes do município para vacinar 30 adolescentes internados com paralisia cerebral grave.

A prefeitura tinha informado que também realizaria a vacinação na AACD. No entanto, a instituição informou que tentou “verificar essa possibilidade, inclusive, mas a Prefeitura de São Paulo negou o pedido por haver diversos postos de saúde na região”.

Questionado se a baixa adesão deste público prioritário na campanha de imunização vai demandar outras mudanças na dinâmica de vacinação na cidade, o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB) disse que ainda não acha necessário.

“A gente está analisando muito de perto. Quando a gente fez o público-alvo adulto com comorbidades também teve atraso na adesão porque tem que buscar documento, atestado. Vamos acompanhar mais uma semana. Se for necessário ampliar o horário, abrir de domingo, abrir posto 24 horas, vamos fazer. Nesta semana, ainda não. É monitoramento. Se a Secretaria da Saúde identificar a necessidade, vamos ampliar horário das UBSs, medida que tem custo elevado para a prefeitura e que, por isso, precisa identificar o momento certo para este investimento”, explicou Nunes.

Quem pode se vacinar?

Poderão se vacinar jovens com:

Os adolescentes devem ser acompanhados pelo responsável no momento da vacinação. Se isso não for possível, será necessário estar com um adulto e apresentar uma autorização assinada pelo responsável.

Para se imunizar é obrigatório apresentar comprovante de residência na capital, um documento de identificação e um que comprove a comorbidade.

Inicialmente, os adolescentes receberão apenas imunizantes da Pfizer, a única vacina autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a ser aplicada nesta faixa etária.

Fonte: G1.Globo

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/ao-menos-3-municipios-da-grande-sp-iniciam-vacinacao-de-adolescentes/

Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação