Fique por dentro dos principais FATOS e TENDÊNCIAS que movimentam o setor

Farmácias do Grupo Tapajós preveem R$ 40 milhões em expansão

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso canal do Whatsapp

farmácias

Com 125 farmácias na Região Norte do país, o Grupo Tapajós prevê investir R$ 40 milhões até o próximo ano. O foco será a abertura de PDVs e reforma das lojas já existentes.

A companhia faturou R$ 1,2 bilhão no ano passado, valor que a credencia como uma das 14 maiores redes do grande varejo farmacêutico nacional, segundo a Abrafarma. A projeção é que a receita alcance R$ 1,3 bilhão em 2022. O Ebitda deve saltar de R$ 50 milhões para R$ 70 milhões.

Segundo o CEO Wili Garcêz, a captação de R$ 230 milhões com bancos, há quatro anos, viabilizou a compra da FarmaBem – concorrente local que tinha 68 lojas na época. O grupo dobrou de tamanho, negociou o alongamento de dívidas e ganhou fôlego para expansão.

Farmácias da Santo Remédio são pilares da expansão

A Drogaria Santo Remédio é considerada a base do projeto de expansão. A meta é abrir 21 novas lojas e remodelar outros 20 pontos de venda em 2023.

“Temos um vasto mercado a ser explorado. Vamos acelerar nossa expansão, com mais abertura de pontos de venda em capitais e cidades médias. Ao mesmo tempo, estamos levando nosso modelo de loja para um outro patamar, com unidades mais modernas e espaçosas”, afirma Fernando Ferreira, diretor comercial, de marketing e consumer experience do Grupo Tapajós. Segundo o executivo, esse movimento tem proporcionado como resultado um crescimento de 30% na receita do grupo varejista.

Estratégia digital norteará crescimento das farmácias

A estratégia de expansão da Drogaria Santo Remédio não se limita a lojas físicas. A rede prevê lançar em outubro, o e-commerce Santo On-Line para completar e reforçar a presença da empresa no canal digital onde o serviço de entrega supera um movimento mensal de R$ 1,5 milhão. “Em Manaus, 76,8% dos itens de farmácia comercializados na plataforma IFood estão concentrados na Drogaria Santo Remédio. Em Porto Velho, o percentual é de 70,7%. Estes índices demostram o poder e penetração de nossa marca junto ao consumidor”, ressalta Ferreira.

Outra novidade na área de vendas online é a abertura da primeira dark store da rede, localizada na cidade de Manaus. O hub de entrega tem capacidade para abrigar mais de 15 mil SKUs e é um modelo de sustentabilidade por ser abastecido 100% por energia solar. “Reduzindo o estoque das lojas e o tempo de entrega, ganhamos maior controle na operação de delivery e temos menos rupturas e perdas de mercadoria”, explica Ferreira.

Para maior comodidade ao consumidor, a empresa planeja ainda instalar uma rede de lockers nos principais centros urbanos do Norte do País para retirada das compras efetuadas pelos clientes. Um projeto-piloto já foi instalado no condomínio Ephygênio Salles em Manaus e outros pontos de retirada estão em vias de implantação.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Notícias Relacionadas

plugins premium WordPress