fbpx
O maior canal de informação do setor

Diretores da Anvisa recebem ameaças após aprovação da CoronaVac para crianças

209

Após aprovação do uso de CoronaVac para crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, os diretores e servidores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) receberam mensagens ameaças e ofensas, que chegaram pelos emails institucionais dos funcionários.

Em uma das mensagens que o Correio teve acesso, uma pessoa acusa os colaboradores da instituição de colocarem ‘vidas inocentes numa grande roleta russa’. O texto, enviado por uma mulher à Quinta Diretoria da Anvisa diz ainda que os servidores da agência serão vítimas de uma “maldição”.

“(…) o preço a ser pago será terrível não quero estar na sua pele e oro a Deus em desfavor de todos que tem causado dor e sofrimentos ao seu próximo, lembre se o próximo pode ser dentro de sua família”

Em outra carta eletrônica, enviada às 14h da última quinta-feira (21/01), o remetente acusa os funcionários da agência de falta de ‘amor à pátria’ e também diz que “o preço que o servidor vai pagar será altíssimo”. ‘Com certeza não usará esse experimento nos filhos e netos de vcs’.

Em mais um e-mail enviado a Segunda Diretoria da Anvisa no, dia 18 de janeiro, às 11h40, outra mulher afirma que o lugar dos funcionários em ‘Guantánamo está reservado para aqueles que cometem crime contra a humanidade’ e ameaça: ‘aguardem’.

A prisão de Guantánamo é um centro de detenção de acusados de envolvimento com o terrorismo, administrado pelos Estados Unidos e localizado em Cuba.

Em uma live nas redes sociais, no dia 16 de dezembro, o presidente da república, Jair Bolsonaro (PL), ameaçou divulgar os nomes dos técnicos que aprovaram a vacina contra covid da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos.

“Não sei se são os diretores e o presidente que chegaram a essa conclusão ou é o tal do corpo técnico, mas, seja qual for, você tem o direito de saber o nome das pessoas que aprovaram aqui a vacina a partir dos cinco anos para o seu filho” disse Bolsonaro.

Procurada pela reportagem, a Anvisa disse que, no momento, não vai se manifestar sobre as ameaças. Mas que elas serão enviadas à Polícia Federal (PF) e ao Superior Tribunal Federal (STF).

Fonte: Correio Braziliense


Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente
Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!

Veja também: https://panoramafarmaceutico.com.br/equilibrio-vita-reforca-lancamentos/

 

Cadastre-se para receber os conteúdos também no WhatsApp  e no Telegram

Jornalismo de qualidade e independente O Panorama Farmacêutico tem o compromisso de disseminar notícias de relevância e credibilidade. Nossos conteúdos são abertos a todos mediante um cadastro gratuito, porque entendemos que a atualização de conhecimentos é uma necessidade de todos os profissionais ligados ao setor. Praticamos um jornalismo independente e nossas receitas são originárias, única e exclusivamente, do apoio dos anunciantes e parceiros. Obrigado por nos prestigiar!
Você pode gostar também

Esse site utiliza cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Mas você pode optar por recusar o acesso. Aceitar Consulte mais informação